Ao dar início à sessão plenária virtual da tarde desta quarta-feira (2), o presidente Ernani Polo fez um pronunciamento registrando que estamos em plena Semana da Pátria. No calendário normal de eventos, hoje seria o dia que a Assembleia Legislativa realizaria sessão solene comemorativa à data.

Devido à situação excepcional imposta pela pandemia, as sessões solenes foram canceladas, e o Parlamento gaúcho realiza apenas sessões extraordinárias, com tempo improrrogável de 4 horas de duração e cuja pauta deve ser limitada à apreciação das matérias que constam na ordem do dia.

Veja abaixo a íntegra do pronunciamento do presidente do Legislativo gaúcho:

Senhoras e senhores, boa tarde!

Todos os anos, a Semana da Pátria nos convida a celebrar e a refletir sobre a Independência do Brasil.

É momento de termos orgulho do passado. E, da mesma forma, é um convite para pensarmos nas ações que farão nosso futuro melhor.

O sentimento de patriotismo está acima de qualquer diferença. Está além das ideologias, das convicções. É o que nos une, brasileiros e brasileiras.

E quem somos nós, afinal? Através dos séculos, forjou-se um povo que mescla índios, europeus e africanos. Que tem na alegria, na disposição, na criatividade e na solidariedade alguns de seus principais atributos. Que recebe pessoas de todo o mundo de braços abertos.

Por tudo o que tem acontecido, a celebração maior da pátria será um pouco diferente este ano. Seguiremos relembrando o passado, os nossos feitos históricos, os nossos grandes marcos sociais. Mas, principalmente, pensaremos no futuro: diante de tantos desafios, como o Brasil pode se tornar ainda mais independente?

Nosso país já proclamou sua independência de Portugal há 198 anos. Mas ser uma nação independente é muito mais do que isso.
● É garantir a liberdade de quem trabalha.
● É preservar a vida dos cidadãos com o acesso amplo à saúde.
● É permitir que a educação seja o caminho de um futuro melhor.
● É criar as condições ideais para que se construa um país mais próspero.

Esta Assembleia Legislativa tem um papel fundamental para alcançar esses objetivos. Promover consensos, aprovar leis que regem a sociedade e fiscalizar com lisura os atos governamentais estão entre as nossas atribuições. Estamos honrando o título de “Casa do Povo” e ajudando a fazer com que o sentimento do patriotismo seja exercido no dia a dia.

A Semana da Pátria serve para que possamos refletir sobre o que significa estarmos juntos neste mesmo país.

Como disse Ruy Barbosa: “A pátria não é ninguém: são todos (…). A pátria não é um sistema, nem uma seita, nem um monopólio, nem uma forma de governo; é o céu, o solo, o povo, a tradição, a consciência, o lar, o berço dos filhos e o túmulo dos antepassados, a comunhão da lei, da língua e da liberdade.”

Precisamos — mais do que nunca! — unir o país e o Rio Grande em favor dos ideais maiores. Somente assim o orgulho e o patriotismo se fortalecerão ao longo das gerações.

Viva o Brasil! Viva a Semana da Pátria!
Muito obrigado a todos!