O município de Caraá, no litoral norte, conta, desde o fim da tarde desta quarta-feira, 5, com acesso asfáltico a Santo Antônio da Patrulha. A obra, de 9,5 quilômetros de extensão, foi inaugurada pelo governador Eduardo Leite, acompanhado pelo presidente da Assembleia Legislativa, Ernani Polo. A ligação era aguardada havia décadas pelos moradores. A obra havia se iniciado em 1998 e acabou interrompida, sendo retomada no ano passado.

O investimento em Caraá foi de R$ 4,8 milhões. Ainda há 52 municípios gaúchos à espera de pavimento asfáltico em seu acesso principal. Atualmente, nove acessos estão em andamento no Rio Grande. Para os trabalhos, estão disponíveis R$ 19 milhões oriundos de emendas parlamentares.

“Talvez possa haver sonho igual, mas não maior do que uma comunidade ter acesso pavimentado. Uma estrada asfaltada traz desenvolvimento, crescimento e qualidade de vida às pessoas daquela localidade”, discursou o deputado.

Ciente do problema, Polo apresentou no ano passado dois projetos de lei para garantir recursos a essas obras e à recuperação de rodovias estaduais.

Os projetos vinculam percentual de recursos de venda de estatais, como CEEE, Sulgás e CRM (Companhia Rio-grandense de Mineração) para a conclusão de acessos asfálticos municipais e recuperação de rodovias. Estima-se que a venda das estatais possa representar uma arrecadação de R$ 3 bilhões. Para realizar todas as obras nos municípios gaúchos que ainda não possuem acessos asfálticos, os recursos seriam da ordem de R$ 760 milhões.

Pelo projeto proposto pelo deputado, que estabelece a destinação de 25% do valor da venda das estatais para esta finalidade, poderiam ser arrecadados aproximadamente R$ 750 milhões, o que permitiria a conclusão das obras. Desta forma, resgata-se uma demanda histórica com estas comunidades que, em não possuindo acesso asfáltico pavimentado, enfrentam sérios prejuízos, com aumento de custos dos produtos, impedindo o crescimento destes municípios. Esta demanda vai ao encontro do posicionamento do governador Eduardo Leite, que afirmou que os recursos oriundos da venda das estatais seriam destinados a investimentos.

O acesso municipal a Caraá integra as ações do Plano de Obras 2019, anunciado em junho pelo governador Eduardo Leite. A obra foi executada pelo Daer com recursos da Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (Cide).

Participaram ainda da solenidade os deputados Gabriel Souza e Sérgio Peres e o prefeito de Caraá, Nei Pereira dos Santos.

Foto: Itamar Aguiar/Palácio Piratini